fbpx
sex. out 18th, 2019

InSitte Blog

O InSitte Blog é uma revista 100% eletrônica de cultura, entreterimento e esporte juiz-forano que trabalha com os mais variados assuntos a nível nacional e internacional.

4 Now Blondes e sua vertente alternativa

3 min read

 Minha história com a banda 4 Now Blondes aconteceu inesperadamente, afinal conhecia apenas uma música deles. A famosa e quase hino dos anos 90, “What’s Up”.

Foi durante um sábado, em uma de minhas aventuras pelas lojas de artigos raros de Juiz de Fora, que acabei me deparando com o disco dessa música que tanto escutava, mais se quer fazia a noção do nome da banda que havia composto ela.

Em seguida comprei o disco, pois oportunidades de encontrar uma obra fonográfica como essa não acontece com muita frequência. Chegando em casa, resolvi escutar o disco, onde tive a melhor das experiências.

Não sei dizer o porquê, mas ultimamente tenho fugido um pouco do que a grande mídia tem considerado como música popular. E com por isso resolvi trazer ao conhecimento de todos um pouco da obra e trajetória desta banda que fez história na música mundial.

Um pouco da História

4 Now Blondes surgiu no final dos anos 80, mais precisamente em 1989, na cidade de São Francisco, nos Estados Unidos.

Formada por Linda Perry nos Vocais, Roger Rocha na Guitarra, Christina Hillhouse no Baixo e Dawn Richardson na Bateria, marcaram várias gerações principalmente devido ao sucesso da canção “What’s Up

Com apenas um disco, denominado “Bigger, Better, Faster, More!” lançado em 1992, receberam o prêmio de melhor álbum vendendo cerca de seis milhões de cópias em todo o mundo.

Porém com sucesso da banda, Linda Perry não se sentiu muito à vontade quanto ao que o projeto estava se tornando, pois segundo Linda, estavam muito pop, e como o principal objetivo era ser uma banda de rock alternativo.

Linda resolveu sair e seguir carreira solo até meados de 1998, quando decide largar os palcos e trabalhar como produtora.

Nessa nova fase de Linda Perry, a artista chegou a produzir artistas de renome internacional, estando nesta lista as cantoras Pink e Christina Aguilera.

Já o Guitarrista Roger Rocha trabalhou em outras bandas, onde seu último trabalho que se tem notícias, aconteceu no ano de 1997.

Quanto aos demais componentes da banda, não existem registros históricos sobre o que fizeram após a saída de Linda Perry.

Bigger, Better, Faster, More

Logo quando o disco começa a tocar, parece que se está fazendo uma viagem no tempo. Principalmente pela questão da voz de Linda Perry ser em alguns momentos, tão parecida com a voz de Janis Joplin.

Admito que em algumas músicas senti um pouco incomodado com o fato da vocalista e da própria banda alternar tanto entre escalas musicais e utilizar como recurso na produção, vocalizações, porém como é visível as influências do classic rock nas composições desse disco, esse detalhe passa quase que despercebido. Sendo este um álbum indispensável na coleção de quem ama o rock dos anos 90.

Para os mais antenados e ligados a tecnologia, o disco está disponível nas principais plataformas de streaming. O que facilita a quem se interessar em escutar essa obra musical.

 Set List dos principais hits

Para finalizar esse aprofundamento sobre a breve carreira de 4 Now Blondes, segue logo abaixo uma lista com as músicas mais tocas do álbum Bigger, Better, Faster, More.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

<
Copyright © All rights reserved. InSitte Blog